Serra do Caraça

Fazendo parte de uma extensão da Serra do Espinhaço, a imponente Serra do Caraça está situada nos municípios históricos de Santa Bárbara e Catas Altas, em Minas Gerais. O nome Caraça originou-se em virtude do formato de um rosto humano existente em um determinado local da serra, assemelhando-se ao perfil de um gigante deitado. Caraça também é o nome do antigo colégio onde passaram importantes personalidades da história brasileira. E por último e não menos importante, temos também o famoso Complexo Santuário do Caraça ou Parque Natural do Caraça. Trata-se de uma Reserva Particular do Patrimônio Natural, que contempla toda a região e faz parte do roteiro turístico da Estrada Real.

Situada a 120km da capital mineira Belo Horizonte, a Serra do Caraça é considerada uma das mais prestigiadas atrações ecológicas do Estado de Minas Gerais. Ao chegar no Parque do Caraça, o visitante passa pela Igreja Nossa Senhora Mãe dos Homens, local onde milhares de turistas, alunos, pesquisadores e professores, têm a oportunidade de experimentar a presença de Deus. Junto à essa antiga construção, destaca-se também a antiga biblioteca, contando com um acervo de mais de 30 mil volumes, e o Museu, que conta a história da região através de diversas imagens e objetos do tempo do colégio.

Fundado em 1774, o Santuário do Caraça foi erguido para se tornar uma casa de hospedagem para alojar visitantes e peregrinos e, sobretudo, as pessoas que tinham como objetivo a conversão de suas vidas. Nos anos 70, após 150 anos aplicados à educação e formação de rapazes e seminaristas, o Santuário foi, mais uma vez, reativado como Pousada. Atualmente, mais de 17 mil pessoas se hospedagem todos os anos no Santuário. A hospedagem é completa, incluindo as três principais refeições: café, almoço e jantar.

Para quem curte a natureza, o local possui diversas opções de passeios por trilhas. Há cachoeiras, piscinas naturais e grutas, todos revelando um ecossistema espetacular. São atrativos para turistas e pesquisadores. A região é uma área de transição entre Mata Atlântica e Cerrado. Em vista disso, encontra-se vegetais de raríssima beleza durante os passeios pela Serra do Caraça. Vale destacar também que há trilhas sinalizadas informando a duração, bem como os obstáculos que podem ser encontrados pela frente durante o passeio.

O destaque da vida animal da Serra do Caraça vai para o famoso e charmoso Lobo-guará. Apesar de ser um animal ameaçado de extinção, é considerado o símbolo do Santuário do Caraça. Ao anoitecer, o lobo tem o costume de ir até o adro da igreja para receber comida dos coirmãos. Quem quiser conhecê-lo bastar ir ao local e aguardar a sua chegada. Será a maior atração da noite!